Pedras de Minha Rua – Alice Correia Gonçalves

1 de março de 2019

Rua – ALICE CORREIA GONÇALVES
Data de nascimento – 12 de outubro de 1932
Data de falecimento – 12 de março de 1990
Natural de – Miguel Calmon – Bahia

Alice Correia era uma senhora muito simpática, dona do lar com muita dedicação, tinha a formação primária e pertencia à família Miranda e Correia de Andrade de origens de Tapiranga, distrito de Miguel Calmon. Gostava de fazer caridades e cuidava de pessoas enfermas, aplicando injeções. Quando descobria que tinha alguém sonhando com a aposentadoria e quando se tratava de pessoas carentes, ela, com muito esforço e carinho, providenciava os referidos documentos e contava com os serviços de Tereza Micucci e Sônia Mota. Era filha de João Correia de Andrade e Leonídia de Miranda Correia. Seus irmãos eram Josefa, Jaime, Agenor, Genelice, Antônio, Oscar, Maria do Carmo e Terezinha. Na sua juventude, conheceu o seu grande amor, com quem se casou e dedicou sua vida. Ele se chamava Eduardo Gonçalves Barberino e, juntos, tiveram o filho Hidiney, conhecido por todos como Nei de Eduardo. Nei era a paixão da vida de Alice, era o seu chamego, o primogênito, o filho querido. Alice tinha muitas qualidades e a religião era o seu forte. Figura inesquecível, foi moradora da praça Francisco Félix, em uma casa de esquina, que até hoje guarda a sua lembrança. Alice Correia Gonçalves é mais um nome que compõe as crônicas Pedras de Minha Rua.

Transparência

Atendimento

  Endereço

Av. Odonel Miranda Rios, 45 1º andar Centro


  Horário

Segunda a sexta-feira das 08:00 às 12:00 das 14:00 às 18:00


Telefone

74 3627 2122

IBDM-Modernização validator w3c